08/12/2014

A Lenda do Guaraná


    Rai pessoinhas, como estão? Tomara que bem. Estou quase terminando o primeiro layout free do blog, mas por ora trouxe uma lenda, meio triste, mas que eu achei bem interessante >.<

 No meio da floresta Amazônica, viviam os índios Maués e entre eles um casal jovem, muito feliz e amado pela tribo.Porém, a felicidade do casal era abalada pela tristeza de não terem filhos.
Aconselhados pelo pajé, resolveram buscar ajuda de Tupã e pediram-lhe então, a graça de poder terem um filho.
Meses depois, a índia eu a luz a um menino.
O pequeno índio crescia saudável e feliz. Era muito querido por todos, pois era muito bondoso, criativo, prestativo e cheio de alegria.
O curumim era a verdadeira sensação da tribo e sua família muito admirada.
A fama do curumim se espalhou pela floresta e chegou ao conhecimento de Jurupari, um espírito do mal.
Jurupari cheio de inveja passou a acompanhar o pequeno índio.Como podia ficar invisível, ninguém o via.
Certo dia, o curumim saiu sozinho para colher frutos na floresta. Jurupari aproveitou-se da ocasião e transformou-se numa serpente venenosa que picou o menino.
O pequeno índio morreu quase que instantaneamente. O veneno da serpente era muito poderoso para o seu frágil corpinho de criança.
Preocupados com a demora do curumim, vários índios da aldeia partiram pela floresta para procurá-lo.
Quando encontraram o menino todos lamentaram o ocorrido. Neste momento, raios e trovões caiam do céu. Os índios diziam ser o lamento de Tupã.
A tristeza pairou sobre a aldeia.
A mãe do curumim morto recebeu uma mensagem de Tupã dizendo que deviam plantar os olhos da criança.
Os índios obedeceram ao pedido da mãe e plantaram os olhos do curumim.
Algum tempo depois no lugar em que haviam sido enterrados o olhos da criança, brotava uma linda plantinha, o Guaraná, com fruto vermelho e que por dentro pareciam os olhos do menino.

  Kissus e bye

14 comentários:

  1. Que bacana. Não conhecia essa lenda! Achei bem interessante
    www.iamcamilakellen.blogspot.com
    *Rumo aos 250 seguidores

    ResponderExcluir
  2. Olá!
    Cresci ouvindo a lenda do guaraná (sou do Amazonas :D), mas a versão que conheço é bem diferente... Apesar do curumim morrer do mesmo jeito :(
    Enfim, é sempre bom ler outras versões. *u*
    Abraços~

    ~Nankin Dust

    ResponderExcluir
  3. Nossa eu amo essa lenda, é uma das minhas favoritas e uma que chega mais perto da realidade.
    -
    Smile Freeze te deseja um bom Natal adiantado!

    ResponderExcluir
  4. Oláaa, não conhecia essa lenda, mas adorei ela *u*.
    ~Seguindo~
    Beijooos
    piece-of-me0.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. NOSSA! Que legal! Primeiro blog que eu vejo trazendo algo fora na "normalidade". Adorei! Não conhecia, na verdade, acho que não conheço alguma lenda!
    Beijocas.
    www.ideconectada.blogspot.com.br
    AH! Tô te seguindo.

    ResponderExcluir
  6. Adoro curiosidades e não conhecia a lenda, adorei,
    www.dai-sies.blogspot.com

    ResponderExcluir
  7. Ooii Jamylle! Tudo bom??
    Eu já sabia dessa Lenda, e pelo incrível que pareça eu aprendi com meus ... carregando... Acho que 3 ou 4 anos de idade. Foi só ler do casal sem filhos que lembrei da lenda. Mesmo sendo mentira (porque é uma lenda '-') eu acho bem impactante e bonita.
    Achei bacana você ter citado!
    Kissus~

    ResponderExcluir
  8. Oiie! Td bem?
    Eu acho essa lenda muito bonita. Eu não me lembrava mas dela, que bom que visitei seu blog, ai eu pude recordar rs'.

    Bjoos Sonhos HTML

    ResponderExcluir